Os Bastões

O surgimento dos bastões na Maçonaria, usados pelo Mestre de Cerimônias e pelos Diáconos ocorreu na Maçonaria Inglesa, do tempo da cavalaria e das pompas dos reis, significando comando.

Na loja de Aprendizes, o Mestre de Cerimônias e os Diáconos transitam pela Loja, sempre portando seus bastões.

Os bastões usados pelos Diáconos são encimados por uma ponteira de pomba, símbolo do mensageiro; ao formarem o baldaquim, sob o qual o Venerável de Honra ou o Orador abre o Livro Sagrado, os Diáconos e o Mestre de Cerimônias cruzam seus bastões.

A sua origem procede da férula, que na mitologia grega significa o bastão oco em que prometeu escondeu o fogo furtado dos deuses, quando passeava pelos céus no carro do sol.